Uma pausa na narrativa de minhas pesquisas. D. Pedro II, além de Imperador, era um exímio observador das paisagens por onde passava e das pessoas que conhecia. A fotografia era, com certeza, uma das suas maiores paixões, seja por experimentos pessoais, seja como registro artístico e científico dos tantos lugares por onde passou. As mais fascinantes são as fotografias tiradas por sua comissão científica nas viagens ao exterior, tanto para países conhecidos como os da Europa e os EUA, mas também as longínquas regiões do Oriente Médio, África e China. As fotografias são tão importantes que irão virar patrimônio histórico da humanidade pela UNESCO.

A Biblioteca Nacional construiu um site onde estão todos os álbuns fotográficos guardados cuidadosamente durante os mais de 120 anos. São obras fascinantes, como esses exemplos abaixo. Viaje junto com o Imperador, clicando aqui.

Família chinesa - 1874, 1875

Oeste dos EUA - 1871, 1873

Índios americanos - 1871

Árabe - séc XIX

Dom Pedro II no Egito - séc XIX

 

Anúncios